Concurso Receita Federal: novo pedido encaminhado para 699 vagas; confira cargos e exigências

Novo concurso Receita Federal pode ocorrer ainda em 2021, para preenchimento de vagas para nível superior, com iniciais de até R$ 21 mil

BIT | Cursos Profissionalizantes | Serra/ES - HOME

A realização de um aguardado novo concurso Receita Federal parece estar cada vez mais próximo de ter início. De acordo com as últimas informações, o órgão encaminhou uma nova solicitação ao Ministério da Economia, no sentido de agilizar a seleção ainda em 2021. A expectativa pelo certame é grande, tendo em vista que o órgão também pediu autorização para diminuir o prazo entre publicação do edital de realização de provas, no sentido de agilizar os trâmites necessários para a contratação dos servidores.

O pedido é para 699 vagas, sendo 230 para o cargo de auditor fiscal e 469 para analista tributário. Para as duas carreiras é necessário possuir formação de  nível superior. No caso de analista, o inicial é de R$ 12.142,39, enquanto a carreira de auditor conta com inicial de R$ 21.487,09

Em 2019, o presidente Jair Bolsonaro publicou o decreto 9739, que determina um prazo de quatro meses entre a publicação do edital e a aplicação das provas em concursos federais. Porém, em caso de grande necessidade de pessoal, os órgãos podem solicitar aval para que o prazo seja reduzido. Isto ocorreu, por exemplo, nos concursos da Polícia Federal (PF) e Polícia Rodoviária Federal (PRF), realizados este ano.

 

Concurso Receita Federal: novo pedido é menor que anterior

O novo pedido do concurso Receita Federal é bastante inferior ao anterior, encaminhado em 2020 para o Ministério da Economia. Na ocasião, o total era de  3.360 vagas, sendo 1.000 para cargos com exigência de ensino médio e 2.360 para nível superior.

No caso de ensino médio, a solicitação foi para 1.000 vagas para a carreira de assistente técnico administrativo, que faz parte da área administrativa, com inicial de R$ 4.137,97

Para nível superior foram 2.360 postos, sendo 2.050  para as áreas aduaneira e tributária, sendo 550 para a carreira de auditor-fiscal da Receita Federal do Brasil e 1.500 para analista-tributário da Receita Federal do Brasil.

Ainda para nível superior, as 310 restantes foram para a área administrativa, sendo 270 para analista técnico administrativo, 4 para arquiteto e 16 para engenheiros e 20 para contador. No caso de analista técnico administrativo, a exigência é de nível superior, com inicial de R$ 5.490,09. Para arquitetos, engenheiros e contadores as remunerações não chegaram a ser confirmadas.

Concurso Receita Federal: último edital

O último concurso Receita Federal  ocorreu em 2014, com vagas para área de apoio, para o cargo de assistente técnico-administrativo do MF (Ministério da Fazenda). Foram oferecidas 1.026 vagas e a prova foi composta por questões de Língua Portuguesa, Matemática, Raciocínio Lógico, Informática, Atualidades, Gestão de Pessoas e do Atendimento ao Público, Ética do Servidor na Administração Pública, Administração Pública Brasileira e Regime Jurídico dos Agentes Públicos. Mais de 263 mil inscritos disputaram as vagas oferecidas, uma média de 257 candidatos por vaga).

O novo pedido supera o quantitativo do anterior, enviado em 2019, que era para o preenchimento de 3.314 vagas.

 

>> Resumo do Concurso Receita Federal

RFB – Receita Federal do Brasil
Vagas: 669
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: AnalistaAuditor
Áreas de Atuação: Judiciária / JurídicaFiscalTributária
Escolaridade: Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 12142,00 Até R$ 21487,00
Estados com Vagas: ACALAMAPBACEDFESGOMAMGMSMTPAPBPEPIPRRJRNRORRRSSCSESPTO


Fonte: folhadirigida.com.br
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp